Uma questão de tempo… e ética…

2-outubro-2008

Notícia divulgada na Folha de São Paulo de 12/09/2008 [1], demonstra mais uma vez que era apenas uma questão de tempo… e de ética…

Cientistas do Hospital Universitário Ziekenhuis de Bruxelas dizem ter conseguido extrair células-tronco embrionárias sem destruir o embrião.

Parabéns para estes cientistas! Provou-se que se pode realizar pesquisas sérias com células tronco e manter a ética, sem a necessidade de descartar vidas.

Impressionou-me também o teor do comunidado emitido pelo hospital onde a pesquisa foi realizada:

Este progresso pode ter conseqüências positivas para países onde, por razões éticas, extrair células-tronco esteja proibido. [Grifo nosso]

É interessante meditarmos um pouco a respeito do que foi dito, especialmente no trecho grifado.

Notas e Referências

[1] – EFE. Hospital belga diz ter extraído células-tronco sem danificar embriões. Folha de São Paulo, 12/09/2008. Acessado em 02/10/2008.